Viagem de Alexandre Garcia por Uberaba, Araxá e Sacramento com a caravana Carruagem Dourada, onde foram feitas doações de brinquedos e revistas infantis para as crianças carentes. Através da ajuda de várias pessoas, a mãe de Alexandre conseguiu arrecadar vários brinquedos usados. Muitos estavam sujos e levemente danificados...
... mas Alexandre e a mãe fizaram questão de lavá-los e deixá-los novinhos em folha, em especial as bonecas. Os brinquedos variavam entre bonecas, carrinhos, bichinhos de pelúcia... Alguns dos bichinhos eram bem engraçados. Alexandre levou ainda 90 revistas infantis produzidas pelos autores do Chroma, Thiago Silva e Osmar Menezes. Ao todo foram 30 exemplares de Bandeirinha Volume 01... 30 exemplares de Bandeirinha Volume 02... E 30 exemplares de Os Magimelódicos... As revistas do Chroma sendo preparadas para a viagem. Os brinquedos foram levados até Minas Gerais na caravana Carruagem Dourada. A caravana contou com pessoas das cidades de Poá/SP e São Paulo/SP. Os outros integrantes da caravana também fizeram uma boa arrecadação de roupas e mantimentos. Depois de passar por Poá/SP, o ônibus segue até o bairro da Móoca, onde os passageiros restantes fazem o embarque e a entrega dos mantimentos restantes... O bagageiro do ônibus ficou realmente cheio! O ônibus da Caravana Dourada se preparando para partir! Sr. Wilson é o idealizador da caravana. Durante toda a viagem, ele esbanjou bom humor e carisma. Além do trabalho de cunho social, a caravana também faz uma espécie de peregrinação espiritual. A primeira parada da Caravana, às 03:00h da manhã do dia 13/12/2014, foi no Lar Espírita Pedro e Paulo, em Uberaba/MG. Os visitantes participaram de uma sessão de psicografia, conduzida pelo médium Carlos Pacelli. Mesmo sendo tão cedo, o lugar estava cheio de pessoas ansiosas para receber alguma mensagem de um ente querido desencarnado. Deus tem estradas onde o mundo não tem caminhos. Ainda em Uberaba/MG, a próxima parada foi no museu Chico Xavier que funciona na casa onde residiu o famoso e carismático líder espiritual. Atualmente, a casa foi transformada em um museu dedicado a Chico Xavier. Para se manter, e manter a memória de Chico Xavier, o lugar vende diversos itens relacionados ao espiritismo. Algumas das belas peças de artesanato do local. Aqui vemos fotos de Chico Xavier e recortes de jornal com matérias a seu respeito. A máquina de escrever usada pelo famoso médium. Aqui, o quarto onde ele, já muito doente, viveu seus últimos dias. Chico Xavier adorava chapéus. Aqui, sua coleção. Alguns itens pessoais de Chico Xavier. O museu também recebe doações espontâneas dos visitantes. Seus livros foram traduzidos em outras línguas. Ao longo da vida, muitas homenagens ao nosso querido Chico, na forma de diplomas. Agora, estamos em Araxá. Aqui, um lindo trabalho social: o Hospital Casa do Caminho. O hospital, criado e mantido pelo Sr. Tadeu, destaca-se por um atendimento exemplar à população carente. Na chegada, somos recebidos pelo Sr. Tadeu em pessoa, que faz questão de abraçar e beijar um por um. Não se trata de um simples abraço: sentimos uma vibração muito boa emanar desse incrível ser humano! Além da boa energia das pessoas que trabalham no lugar, o hospital conta também com lindos jardins! Dentro funciona também um bazar com lindas peças artesanais. O hospital mantém-se graças a esse comércio e às doações de várias pessoas. Independente de qualquer religião, toda pessoa pode e deve contribuir para esse lindo trabalho. O site é www.casacaminho.com.br. Alexandre Garcia, sua namorada Fernanda Martins e o Sr. Tadeu. A mãe de Alexandre (esquerda), sua amiga dona Zenaide e o Sr. Tadeu. Incursionando pelo hospital, foi possivel constatar a higiene do lugar e a qualidade ímpar do trabalho. Vinde a mim! Vós que estais cansados e oprimidos e Eu vos aliviareis. Belos detalhes dos jardins do hospital. Foi nesta casa que se iniciou o trabalho social que depois viria a culminar no Hospital Casa do Caminho. A casa, simples, feita de barro cozido, foi mantida e está localizada num dos jardins do hospital. Fernanda Martins e Suzana Mota, prima de Alexandre. Fernanda Martins com Sr. Tadeu e Sr. Wilson. Outro lindo jardim do hospital. Ao contrário do que sói acontecer mesmo nos melhores hospitais, o clima no Hospital Casa do Caminho é muito ameno e acolhedor. À noite, ainda em Araxá, um encontro emocionante com a sra. Marlene (de branco), a quem foram doados os brinquedos e as revistas e que fez questão de conhecer os doadores! A sra. Marlene faz um trabalho fabuloso, consertando brinquedos e doando-os a crianças carentes. Domingo, última parada num lindo parque próximo à cidade de Sacramento. A principal atração aqui é a Gruta dos Palhares, de arenito, a maior do gênero no continente! O lugar emana uma energia incrível! No lugar moram muitas maritacas. Essa gruta, séculos atrás, já serviu de refúgio a muitos escravos que fugiam dos maus-tratos em suas fazendas. Fernanda não tem medo de adentrar nos recônditos da Mãe Terra! Alexandre curtindo as boas vibrações do local! Do lado de fora, um altar dedicado aos anjos, com uma menção da famosa hierarquia angélica (Serafins, Querubins, Tronos, Dominações, Potestades, Virtudes, Principados, Arcanjos e Anjos)