Ônix

Onix

Ônix representa dois marcos nas histórias de heróis brasileiros. Ela é a primeira heroína negra brasileira a ser protagonista de sua própria revista. Até este momento, as heroínas negras apareciam apenas como coadjuvantes, ou como integrantes de uma equipe maior. Ônix também é a primeira heroína publicada representante do famoso bairro de Itaquera, na Zona Leste de São Paulo. Luciana Medeiros era uma jovem estudante universitária que constantemente era vítima de preconceitos dentro da faculdade, por ser negra e pobre. Com muito esforço, ela conseguiu superar os preconceitos e se formou com louvor em física. Indignados com o desempenho de Luciana, alguns dos alunos mais preconceituosos tentaram violentá-la e assassiná-la. Mesmo com treinamento em karatê, ela não conseguiu escapar, sendo salva na última hora por seus amigos Allan e Marcos. Luciana tentou denunciar seus agressores, mas não teve resultados por todos eles serem filhos de famílias influentes. Indignada, tornou-se criminalista e passou a treinar outras artes marciais. Percebendo a ineficácia do poder público em lidar com casos como o dela e sentindo o sofrimento de outras pessoas como ela, Luciana decidiu agir. Acompanhada de seus amigos Allan, Laura, Sonia e Marcos, fundou uma agência secreta de combate ao machismo, racismo e homofobia (Núcleo de Combate a Agressões e Preconceitos - NCAP). Para ocultar sua identidade e manter secretas as operações da NCAP, Luciana criou um uniforme e passou a atuar nas ruas como Ônix.

                                                                      

 

 

 

 
 

Redes Sociais!

 

   Facebook     Twitter     Forum        

   DeviantART

  •     

 

 

 

 

 

Nossos Parceiros!

 

Fanzinada

Jupiter II

Jupiter II

Clube de Autores